Notícias

  • Inclusão digital: Motorola adiciona dois idiomas indígenas aos seus celulares

    Compartilhe

    0 Motorola é a primeira fabricante de celulares a oferecer suporte a duas línguas indígenas!  Exemplo incrível de inclusão digital!

    A empresa norte-americana, que detém atualmente 26,6% do mercado brasileiro de celulares, anunciou que, os aparelhos que receberem o Android 11 ganharão opção para serem configurados em dois idiomas indígenas da América Latina, o Nheengatu e o Kaingang.

    A iniciativa recebeu o apoio da Universidade de Campinas (Unicamp), em São Paulo, e de linguistas e acadêmicos indígenas, liderados pelo pesquisador em Antropologia cultural e de línguas indígenas, Wilmar D’Angelis, da Unicamp.

    De acordo com a UNESCO, Nheengatu e Kaingang são línguas ameaçadas

    Muitas línguas indígenas correm risco de deixar de existir. E é o que está acontecendo atualmente com as línguas Nheengatu e Kaingang.  E com a extinção dos idiomas, veremos ir embora também a história, a cultura e a identidade desses povos.

    O Kaingang é uma língua nativa do povo Kaingang, falada no Sul e no Sudeste do Brasil. De acordo com a UNESCO, apenas 20 mil pessoas falam o idioma. Ela já é considerada um idioma “definitivamente ameaçado”, classificação dada quando crianças não aprendem mais a língua como primeiro idioma.

    E a situação do Nheengatu é ainda mais grave. A língua é originária do Tupi e falada por várias comunidades do Alto Rio Negro, no médio e baixo Amazonas, e no baixo Tapajós”. O idioma era usado pelos nativos quando os portugueses chegaram ao território brasileiro, e é considerada uma das mais importantes do nosso país. Segundo a UNESCO, apenas 6.000 pessoas falam o Nheengatu atualmente, e ele está “severamente ameaçado”. Essa classificação é dada quando avós e gerações mais antigas falam o idioma, mas não se comunicam com os mais jovens ou entre si através dele.

    Para se ter uma ideia, antes da chegada dos portugueses, cerca de 1.215 línguas eram faladas no Brasil. Hoje em dia, 500 anos depois, apenas cerca de 200 delas permanecem vivas.

    Inclusão digital faz parte do projeto da Motorola

    Vemos, então, que essa atitude da Motorola de adicionar as duas línguas indígenas aos seus aparelhos não só é um fator importante para a inclusão, mas também para contribuir com a revitalização das línguas indígenas que estão sumindo.

    E o projeto quer ir além. A Motorola prevê a inclusão do idioma no teclado do Google. Segundo um comunicado realizado pela empresa, “como a integração de idiomas nativos na forma escrita é crucial para sua preservação, estamos trabalhando em estreita colaboração com o Google para disponibilizar esses idiomas no AOSP e no Google Gboard”.

    Além disso, a fabricante de celulares também abrirá o código-fonte dos dados de idioma, o que pode levar à inclusão das línguas por outras marcas. “Ao compartilhar nossa inovação com outros OEMs e outros profissionais de globalização, esperamos ampliar o impacto deste projeto e preparar o caminho para que mais línguas indígenas sejam adicionadas ao Android no futuro”, afirmou Janine Oliveira, diretora executiva de software de globalização da Motorola Mobility.

    A importância da inclusão digital

    Incluir significa criar medidas para que indivíduos não sejam excluídos por uma limitação cognitiva, física ou mental, cor de pele, orientação sexual, gênero ou classe social.

    No caso da inclusão digital, especificamente, significa criar meios e recursos para que todos possam acessar livremente e de forma autônoma os conteúdos digitais e a web. Em outras palavras, é viabilizar a democratização dos espaços digitais para que todos possam ter acesso.

    Até porque sabemos da importância do uso da web atualmente. Dependemos da internet e da tecnologia para realizar atividades essenciais, que vão desde tarefas comerciais como compra e venda, até ensino, comunicação, informação, relacionamento etc.

    Sendo assim, é muito importante investir na inclusão. Lembre-se: sua empresa estará abrindo portas para milhões de pessoas!

    EqualWeb e Motorola unidas na promoção da inclusão digital!

    A EqualWeb tem muito orgulho de se juntar a uma empresa que é promotora da acessibilidade e da inclusão digital!

    Além de promover a inclusão de dois idiomas indígenas aos seus aparelhos celulares, agora a Motorola também vai incluir mais 60 milhões de pessoas que apresentam alguma deficiência ou limitação para navegação em seu site.

    Recentemente, a empresa se tornou a mais nova cliente da EqualWeb, passando a contar com 31 recursos de acessibilidade digital, como teclado virtual, modo de leitura, comando de voz, fonte legível, ampliador de tela, descrições de imagens, navegação inteligente, entre outros.

    Dessa forma, a Motorola passa a oferecer uma melhor experiência e também mais autonomia para milhões de brasileiros, ajudando a tornar a internet um ambiente acessível para todos. Além disso, se diferencia mais uma vez de seus concorrentes, como um site que está entre os 0,74% acessíveis no Brasil. Incrível, né?

    Quer fazer como a Motorola e se tornar uma empresa que investe em acessibilidade? Fale com nossos especialistas!

    , , , ,

A EqualWeb é uma das soluções líderes globais em acessibilidade digital. Há 6 anos, vem tornando sites e conteúdos digitais acessíveis para pessoas que possuem alguma necessidade especial.

São Paulo

Av. das Nações Unidas, 8501, 17º andar
Pinheiros, São Paulo/SP

E-mail: [email protected]

Rio de Janeiro

Rua Visconde de Pirajá 351, Andar P
Ipanema, Rio de Janeiro/RJ

Telefone: +55 21 99216-5814